domingo, 14 abril 2024 - 0:30
spot_img

Acre registra menor índice de desemprego dos últimos 11 anos

O Acre encerrou o terceiro trimestre de 2023 com a menor taxa de desemprego do país. O índice registrado no período foi de 6,2%. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísitca (IBGE), por meio da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua).

O percentual é, ainda, o mais baixo dos últimos 11 anos, quando teve início a série histórica. Em relação ao segundo trimestre, o recuo contabilizado foi 3,9%. A força de trabalho no estado é de 340 mil pessoas. Deste montante, cerca de 319 mil possuem algum tipo de ocupação.

Acre registra a menor taxa de desemprego dos últimos 11 anos, confirma pesquisa do IBGE. Foto: Neto Lucena/Secom

A informalidade também recuou de 46,6% no terceiro trimestre de 2022 para 44,5%, em comparação com o mesmo intervalo deste ano. Os setores da indústria e serviços foram os que mais contribuíram com a abertura de novas vagas no mercado de trabalho.

Desde fevereiro, o Acre apresenta saldo positivo na geração de empregos. O acumulado de janeiro até outubro de 2023 já chega a 4.671 vagas com carteira assinada criadas em todo o estado.

Efetivar políticas públicas que fortaleçam a criação de mais postos de trabalho e renda para a população é prioridade para a atual gestão estadual. Os números foram comemorados pelo governador Gladson Cameli, que reafirmou o compromisso de seguir trabalhando por um estado mais próspero e com mais oportunidades para todos.

Gestão do governador Gladson Cameli tem compromisso com a geração de emprego e renda para a população acreana. Foto: Diego Gurgel/ Secom

“É sempre muito gratificante constatar que a vida das pessoas tem melhorado nos últimos anos. Emprego é sinônimo de mais dignidade para as famílias e mais desenvolvimento para o Acre. O governo tem feito a sua parte e dado as condições para que possamos avançar cada vez mais e assegurar um futuro melhor aos acreanos”, afirmou.

O governo do Estado tem contribuído significativamente com a economia local. Nos últimos anos, mais de 3,3 mil novos trabalhadores foram contratados para reforçar o serviço público. Além disso, as obras do Poder Executivo são responsáveis pela abertura de milhares de postos de trabalho diretos e indiretos.

Compartilhe:

spot_img

Notícias relacionadas :

spot_img
spot_img

NÃO DEIXE DE LER

spot_img

VEJA O QUE ACONTECE NO BRASIL E NO MUNDO