sábado, 13 julho 2024

Carnaval da Família cadastrou mais de 80 ambulantes para comércio no Arena

Cerca de 80 ambulantes, fixos e andantes, estão cadastrados para trabalhar nos cinco dias do Carnaval da Família 2023, que ocorre no estacionamento do Arena da Floresta, em Rio Branco. A ação é promovida pelo governo do Estado, por meio da Secretaria de Indústria, da Ciência, do Comércio, do Empreendedorismo e Turismo (Seicetur), em parceria com a prefeitura do município.

Cerca de 80 ambulantes, fixos e andantes, estão cadastrados para trabalhar nos cinco dias do Carnaval da Família 2023. Foto: Júnior Aguiar/Secom

“Nós conseguimos contemplar todos os empreendedores que nos procuraram. A iniciativa tem por objetivo gerar renda para esses trabalhadores. O espaço foi bem organizado, e as famílias que vierem festejar terão à disposição uma variedade de comidas e bebidas, provenientes da gastronomia acreana”, disse a técnica da Comissão de Empreendedorismo da Seicetur, Yara Azevedo.

Há 32 anos o ambulante Roney Costa, 49 anos, trabalha vendendo pipoca para sustentar a família. Orgulhoso da profissão, o empreendedor parabenizou os organizadores do evento.

Orgulhoso da profissão, Roney Costa parabenizou os organizadores do evento. Foto: Júnior Aguiar/Secom

“Fico muito satisfeito pela iniciativa. Eles conseguiram padronizar a área de alimentação, e apesar da chuva, que nos atrapalha um pouco, estamos com a expectativa de conseguir vender bastante e lucrar. A Secretaria de Empreendedorismo está de nota dez pelo acolhimento e respeito com o trabalhador”, declarou.

Espero que sempre possamos participar desses eventos, pois nos ajudam muito”, falou, a ambulante Maria de Queiroz. Foto: Júnior Aguiar/Secom

Maria de Queiroz Negreiros, 56 anos, é moradora do bairro Santa Inês e conta não ter ainda um ponto fixo para o seu micro empreendimento. “Esse espaço, para eu vender meu churros, traz muitos benefícios. Almejo que sempre possamos participar desses eventos, pois nos ajudam muito”, falou.

O ambulante, Felix Antony Zambrano, espera alcançar novas oportunidades como jovem empreendedor. Foto: Júnior Aguiar/Secom

Para o ambulante, Felix Antony Zambrano, empreender na festividade vai complementar a renda da família. “Espero que a partir daqui eu alcance novas oportunidades. Porque eu sou um jovem empreendedor, e um país que investe nessa classe gera mais economia. E desejo que o governo do Estado continue incentivando os jovens empreendedores, em eventos como esse”, expressou.

spot_img

Notícias relacionadas :

NÃO DEIXE DE LER

VEJA O QUE ACONTECE NO BRASIL E NO MUNDO