terça-feira, 23 julho 2024

Complexo Penitenciário de Rio Branco recebe visita técnica da Secretaria de Obras

A Secretaria de Obras Públicas do Estado (Seop) e o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen) estiveram, nesta quinta-feira, 16, no Complexo Penitenciário de Rio Branco para verem, de perto, a estrutura do presídio, assim como discutir sobre necessidades e avanços no local.

Equipe da Seop caminhou em toda área do Complexo para verificar a estrutura do local. Foto: Clébson Vale

Segundo Ítalo Lopes, secretário da Seop, a Secretaria de Obras já tem feito várias intervenções no Complexo, em conjunto com o Iapen. “Aqui nós temos inclusive a reforma do bloco administrativo, temos também a reforma na penitenciária feminina, estamos investindo em um novo sistema de esgoto e na melhoria do sistema de tratamento e distribuição de água”.

Secretário da Seop e presidente do Iapen alinham sobre necessidades no Complexo. Foto: Clébson Vale

Ainda segundo o secretário, a Seop, junto com Iapen, desenvolvem um trabalho importante no aproveitamento de material das obras. “Os materiais residuais das obras são removidos e armazenados pelo Iapen, para serem aproveitados em outras construções. É essencial reconhecer os avanços, mas também estar próximo para conhecer as dificuldades e juntos buscarmos soluções”, destacou o secretário.

Presidente do Iapen levou secretário da Seop em todos os ambientes do Complexo Penitenciário. Foto: Clébson Vale

Alexandre Nascimento, presidente do Iapen, disse que o governo entende a necessidade de união, e por isso a Seop esteve no complexo para entender melhor o sistema penitenciário e verificar de que forma pode ajudar e contribuir pra uma melhora no local.

“A visita do secretário Ítalo é um passo gigantesco que o governo dá para entender e ter conhecimento situacional de tudo que acontece aqui dentro. É importante também para conscientizar o Estado de quais são as dificuldades e dar melhor eficiência aos investimentos que ele pretende aportar e que já está aportando também em algumas obras como no complexo feminino, e o setor administrativo”, finalizou o presidente.

Notícias relacionadas :

spot_img

NÃO DEIXE DE LER