sábado, 25 maio 2024 - 16:23
spot_img

Governo do Acre comemora 48% de crescimento na educação profissionalizante ofertada pelo Ieptec em 2023

A Educação Profissional e Tecnológica (EPT) oferecida pelo governo do Acre, por meio do Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec), teve um crescimento de 48% em 2023. O órgão governamental responsável pelas políticas públicas de EPT no estado é uma autarquia vinculada à Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE).

Aulas práticas com os alunos da rede Ieptec são imprescindíveis durante o processo de aprendizagem. Foto: Ascom Ieptec

Entre as realizações do Ieptec em 2023, estão a criação de novos programas e projetos, abertura de processos seletivos, certificações e diplomações, parcerias consolidadas e recursos garantidos, além de avanços em reformas e ampliações de seus centros.

O governo do Estado iniciou 2023 com inovações e mudanças em suas pastas e o Ieptec foi uma delas. O instituto recebeu uma nova equipe gestora, liderada pelo presidente Alírio Wanderley Neto, que assumiu a autarquia na primeira semana de janeiro. “Já nas primeiras visitas aos centros, percebi a grandeza e importância que cada uma dessas escolas têm na formação profissional das pessoas. Um dos pilares do governo Gladson Cameli é a geração de emprego e renda, e esse é o propósito do Ieptec”, disse o gestor.

A nova equipe gestora do Ieptec é composta por Alírio Wanderley (presidente), Mara Lima (diretora de Ensino), Atnilson Santos (diretor de Gestão e Planejamento) e Luciano Sasai (diretor administrativo e financeiro). Foto: Ascom Ieptec

Visão geral em números

A rede Ieptec é formada por escolas e Centros de Educação Profissional e Tecnológica (Cepts), localizados em Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Tarauacá e Plácido de Castro. São oito unidades: Escola Técnica em Saúde Maria Moreira da Rocha, Escola de Gastronomia e Hospitalidade Miriam Assis Felício, Cept Roberval Cardoso, Cept Campos Pereira, Cept Usina de Arte João Donato, Centro de Formação e Tecnologia da Floresta (Ceflora), Núcleo de Educação Profissional e Tecnológica (Nept) Tarauacá e Cept João de Deus.

As ações efetuadas pelo Ieptec são realizadas nas esferas federal e estadual. Em 2023, no âmbito estadual, o Ieptec ampliou em 40% o número de vagas em cursos, e alcançou 18 municípios. Em conjunto com a SEE, o instituto expandiu o atendimento aos alunos do ensino médio da rede pública estadual que, em 2022, chegou a 2.267, e, em 2023, passou a ser de 4.273 estudantes capacitados, e que estão inseridos no Itinerário de Formação Técnica e Profissional (IFTP).

No âmbito federal, em 2023, o Ieptec certificou 945 alunos nos programas Pronatec, Mediotec, E-Tec e Novos Caminhos; pactuou 150 vagas em cursos do Programa Qualifica Mais, visando impulsionar a economia e fortalecer a empregabilidade; garantiu 167 vagas no programa de Bioeconomia, com o objetivo de fortalecer, conservar os recursos naturais e minimizar os efeitos causados pelas mudanças climáticas; mais 792 vagas foram pactuadas no Programa Mulheres Mil, que vai atender o público feminino que vive em situação de vulnerabilidade social; e pactuou com a Setec/MEC mais 3.311 vagas em diferentes cursos.

O Ieptec possui autonomia administrativa, financeira e pedagógica, sem fins lucrativos, e atua no estado desde 2005. Foto: Ascom Ieptec

Itinerário de Formação Técnica e Profissional (IFTP)

O Itinerário de Formação Técnica e Profissional (IFTP) faz parte do Novo Ensino Médio e é um programa de reformulação do sistema educacional brasileiro. No Acre, o Ieptec atua no IFTP em parceria com a SEE, na oferta de cursos técnicos e de qualificação profissional de diferentes trilhas, como saúde, produção cultural, logística, construção civil, paisagismo, veterinária e rádio e televisão.

Em 2023, o IFTP executado pelo Ieptec abrangeu 44 escolas da rede pública estadual de ensino em 18 municípios acreanos, com a oferta de 12 cursos de qualificação profissional e 12 cursos técnicos.

Estudantes do curso de qualificação profissional Editor de Vídeo do IFTP, pelo Cept Usina de Arte. Foto: Hannah Lídia

Antes de iniciar o ano letivo, as equipes do IFTP e do Departamento Pedagógico e Curricular (DPC), realizaram o processo de escuta ativa com os alunos, em que foi apresentado o perfil de competências desenvolvidas no decorrer dos cursos.

Alunos de escolas de Porto Acre assistindo a palestra sobre as opções de cursos ofertadas pelo Ieptec. Foto: Ascom Ieptec

“O Ieptec foi bastante aceito pelos alunos, que compraram a nossa ideia. Temos hoje oito centros preparados com instrumentos e profissionais para atender essa clientela”, disse a coordenadora-geral do IFTP, Lucélia Frota.

Uma das instituições atendidas com cursos do IFTP executados pelo Ieptec é a Escola Argentina Pereira Feitosa, em Capixaba. “Nosso município é muito carente de cursos e esta é uma grande oportunidade para os jovens. Só temos a agradecer a SEE e ao Ieptec”, observou o diretor, Afonso Barros. A aluna do 2º ano Vitória Souza garantiu sua vaga no Curso Técnico em Veterinária: “Me identifiquei bastante e quero me qualificar, porque já me vejo atuando no mercado de trabalho”.

Os alunos das escolas inseridas no IFTP ofertado pelo Ieptec demostraram empolgação e aderiram às opções de cursos disponíveis no catálogo do instituto. Foto: Ascom Ieptec

Em dezembro, a equipe do IFTP iniciou o processo de escuta ativa para o ano letivo de 2024. Até o momento, estão confirmadas 79 turmas e 2.542 estudantes inscritos. O Ieptec ampliou não somente o número de vagas para o público estudantil, como também acrescentou novos cursos ao seu catálogo, como capacitações nas áreas de multimídia, edificações e gastronomia.

Alunos do Cept João de Deus do Curso Técnico em Secretaria Escolar aprenderam como funciona a parte documental de uma escola, durante aula prática. Foto: Ascom Ieptec

Pós-graduação DocentEPT

O governo do Acre, por meio do Ieptec, tem dado total suporte à Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC), na execução do curso de Pós-graduação Latu Sensu em Docência para a Educação Profissional e Tecnológica (DocentEPT), sendo o Ieptec a instituição de ensino pioneira na oferta do curso no estado.

O curso gratuito contempla pessoas com curso superior completo, que tenham interesse em se capacitar em EPT. A pós-graduação já formou 218 profissionais no estado, e muitos deles já atuam na EPT, inclusive como profissionais do Ieptec. Foram entregues 108 diplomas na especialização somente em 2023, para formandos de Rio Branco, Brasileia e Cruzeiro do Sul.

Certificação de 34 formandos na pós-graduação, em Cruzeiro do Sul, em setembro. Foto: Ascom Ieptec

“A partir do curso, podemos conhecer e utilizar equipamentos e ferramentas tecnológicas no nosso cotidiano com os nossos alunos”, acrescentou Naiara Fernandes, recém-formada e assessora pedagógica do Ceflora, unidade do Ieptec em Cruzeiro do Sul.

Cept Gastronomia e Hospitalidade

Este foi um ano de muito trabalho para as equipes dos centros da rede Ieptec, entre eles a Escola de Gastronomia e Hospitalidade Miriam Assis Felício, localizada na Cidade do Povo, em Rio Branco. A unidade iniciou o ano letivo com turmas abertas nos cursos técnicos em gastronomia, confeitaria, panificação e hospedagem, todas do IFTP.

Entre os cursos de qualificação profissional, a escola ministrou curso de Agente de Recepção e Reservas em Meios de Hospedagem. “A Cidade do Povo é um bairro carente, nem todos têm condições de pagar um curso e aqui na escola nos oferecem gratuitamente. Fiquei muito feliz com essa oportunidade”, comemorou a aluna Daniele Silva.

Foi formada uma turma com 25 alunos, todos moradores da Cidade do Povo. Foto: Ascom Ieptec

Ainda no primeiro semestre de 2023, a escola ofertou uma oficina culinária para merendeiras de escolas militares de Rio Branco, com oito cozinheiras capacitadas. Além disso, foram qualificadas 15 mulheres em uma oficina de doces e salgados, em Plácido de Castro.

“Produzimos um cardápio diversificado, e foi uma oportunidade de reforçar noções de higiene, manipulação de alimentos e boas práticas”, explicou a chef de cozinha e professora Rafysa Assem. Foto: cedida

Em julho, o governo do Estado realizou a 1ª Feira de Gastronomia da Cidade do Povo. Com o tema Arraial, 40 estudantes da escola prepararam pratos típicos, que foram vendidos em barracas organizadas no pátio da unidade. O valor arrecadado foi destinado à organização das formaturas das turmas envolvidas.

A 1ª Feira Gastronômica realizada pela Escola de Gastronomia foi um sucesso. Foto: Ascom Ieptec

“Foi um ano de muitos desafios e conseguimos realizar grande parte do que tínhamos planejado. Para isso, nossa equipe contou com o envolvimento dos alunos e da comunidade”, comentou a coordenadora, Marineide Diógenes.

Cept Usina de Arte

Em 2023, o Cept Usina de Arte, em Rio Branco, capacitou alunos do IFTP, realizou cursos livres, oficinas e apresentações teatrais que marcaram a conclusão de algumas turmas.

Aluna em aula prática do curso livre de aquarela. Foto: Hannah Lídia

Uma das formações concluídas pela equipe da Usina este ano foi o curso de qualificação profissional em editor de vídeo. Já no que se refere a cursos livres, a unidade ministrou aulas para cinco turmas do curso de iniciação teatral, uma turma do curso de aquarela, duas turmas em aprofundamento à linguagem teatral (montagem), uma turma em técnicas mistas e uma turma do curso de fotografia.

O Cept Usina de Arte conclui 2023 com 320 vagas oferecidas, 14 turmas finalizadas e seis cursos executados. Foto: Hannah Lídia

“Em 2023, o Ieptec conseguiu atender, no Cept Usina de Arte, diferentes demandas e públicos, abrindo vagas também para a comunidade por meio de cursos livres, expandindo, assim, nossa capacidade de oferta”, comemorou a coordenadora, Simone Pessoa.

Nept Tarauacá

Quanto às ações que estão sendo executadas pelo Nept Tarauacá, que também atende as populações de Feijó e do Jordão, em 2023 a equipe do núcleo se concentrou em oferecer o melhor serviço possível aos estudantes, e atualmente trabalha com cinco formações: cursos técnicos em enfermagem, farmácia, administração e serviços públicos, e os cursos de curta duração, em agricultor agroflorestal, assistente de logística e agente de desenvolvimento cooperativista.

Alunos do Curso Técnico em Serviços Públicos em em aula prática sobre observações de problemas urbanos. Foto: cedida

O Nept Tarauacá atendeu 443 estudantes em 2023 e tem previsão de abrir, no início de 2024, cerca de cem vagas em cursos para costureira, manicure-pedicure, cuidador infantil e salgadeiro.

Audição com alunos da Escola Djalma da Cunha Batista, em Tarauacá, em março, para apresentação dos cursos do IFTP executados pelo núcleo. Foto: Ascom Ieptec

“2023 foi cheio de desafios, mas muito produtivo. Executamos diversos cursos de curta duração em Tarauacá e Feijó, e estamos encerrando um curso técnico. Também comemoramos o reforço de profissionais que vieram para agregar à equipe do Nept”, salientou a coordenadora interina Francicleia Derze.

Cept Roberval Cardoso

O Ieptec também abriu turmas em vários cursos pelo Cept Roberval Cardoso, em Rio Branco. A equipe da unidade acompanhou 260 alunos matriculados nos cursos de bovinocultor de leite e de corte, agente de regularização ambiental e rural, agricultor agroflorestal, agroecologia, agropecuária, florestas, aquicultura, pesca e recursos pesqueiros. Houve turmas em Rio Branco, Xapuri, Capixaba, Brasileia, Bujari, Acrelândia, Assis Brasil, Porto Acre e Plácido de Castro.

Alunos do Curso Técnico em Agropecuária de Acrelândia, após aula prática sobre manejo de bovinos. Foto: cedida

“Foi um ano muito importante para a equipe Roberval Cardoso. Conseguimos finalizar e colar grau com alunos de cursos técnicos do Pronatec, Integrado, e de qualificação profissional. Até janeiro de 2024, encerraremos mais uma turma do Curso Técnico em Agropecuária”, comemorou o coordenador Antônio José Marques.

Cept em Serviços Campos Pereira

O Cept em Serviços Campos Pereira, na capital, atendeu, em 2023, 331 alunos distribuídos em 12 turmas nos municípios de Rio Branco, Sena Madureira, Manoel Urbano, Senador Guiomard, Capixaba e Assis Brasil.

Além dos estudantes do ensino médio inseridos no IFTP, o Cept também atendeu o público do sistema prisional do Acre. Com o apoio do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) e do Instituto Socioeducativo (ISE), o Cept Campos Pereira executou os cursos de customização de roupas, barbeiro e corte e costura nas unidades prisionais, capacitando 60 pessoas privadas de liberdade.

Peças produzidas por reeducandas do sistema prisional expostas durante solenidade de formatura do curso de corte e costura. Foto: Secom

“Quando, em janeiro de 2023, assumimos a missão de conduzir os trabalhos no Cept Campos Pereira, propusemos que seria o ano de concluir pendências de anos anteriores e buscar estruturar a casa, para que em 2024 possamos ofertar mais cursos à comunidade”, disse a coordenadora Susie Lamas.

Cept João de Deus

O Cept João de Deus, em Plácido de Castro, atendeu 460 pessoas em 2023, nos municípios de Acrelândia e Plácido de Castro. Foram ministrados os cursos técnicos em veterinária, contabilidade, administração, secretaria escolar, recursos humanos, serviços públicos e finanças, e os cursos de qualificação profissional em agente de desenvolvimento socioambiental, bovinocultor de leite, agricultor agroflorestal e auxiliar em agropecuária.

Alunos do Curso Técnico em Serviços Públicos, em visita técnica à Prefeitura de Plácido de Castro, para mais um dia de aprendizado prático. Foto: Ascom Ieptec

“2023 foi um ano de muitas conquistas e aprendizados no Cept João de Deus. Ficamos felizes por formar tantas pessoas”, frisou a coordenadora, Elizete Maia.

Escola Técnica em Saúde Maria Moreira da Rocha

A Escola Técnica em Saúde Maria Moreira da Rocha, em Rio Branco, atuou exclusivamente com formações junto aos jovens do ensino médio do IFTP em 2023. A escola abriu 24 turmas e realizou 816 matrículas, contemplando estudantes de Assis Brasil, Santa Rosa, Capixaba, Bujari, Porto Acre e Rio Branco.

Antes do início do período de estágio, as turmas realizam o rito de passagem, que é a tradicional “cerimônia do jaleco”. Foto: Ascom Ieptec

A Escola Maria Moreira se destacou pelo número expressivo de atendimentos realizados em parceria com instituições governamentais e não governamentais. Merecem destaque as ações de saúde com a Sesacre, em que os estudantes de cursos como técnico em enfermagem executaram diversos atendimentos básicos de saúde. A escola também contribuiu com vários projetos sociais, com ações em prol de comunidades urbanas e rurais.

Supervisionados pelos profissionais da escola, alunos do Curso Técnico em Enfermagem realizaram atendimentos básicos de saúde na ação social Videira na Comunidade. Foto: Ascom Ieptec

“Para a escola, o ano de 2023 foi desafiador, intenso e de muitas superações. Realizamos visitas técnicas, ações para a comunidade, estágios e capacitações. Os laboratórios de enfermagem e análise clínica foram reestruturados e equipados, proporcionando mais qualidade nas aulas ministradas aos nossos alunos”, ressaltou a coordenadora Glacimar Alves.

Centro de Formação e Tecnologia da Floresta (Ceflora)

A região do Juruá foi bastante privilegiada em 2023, com muitas ações realizadas por meio do Centro de Formação e Tecnologia da Floresta (Ceflora), em Cruzeiro do Sul. Foram abertas 17 turmas e matriculados 547 estudantes em cursos do IFTP. Os municípios alcançados foram Mâncio Lima, Porto Walter, Marechal Thaumaturgo e Cruzeiro do Sul.

Entre os cursos oferecidos, o Curso Técnico em Desenho da Construção Civil merece destaque. A formação é inédita no Acre, e o Ieptec atende, pelo IFTP, 30 estudantes da Escola Militar Dom Pedro II, que concluirão o curso em 2024. “Com o curso estou adquirindo novos conhecimentos e aprimorando novas práticas, e como estudante me sinto privilegiada em concluir o meu ensino médio e ter em meu currículo um curso como esse”, disse a aluna Eduarda Lima.

Alunos apresentando seus trabalhos da 1ª Oficina de Maquetes do Curso Técnico em Desenho da Construção Civil. Foto: Ascom Ieptec

Processos Seletivos

Em 2023, o governo do Estado lançou oito editais do Ieptec no Diário Oficial do Estado (DOE). O objetivo foi realizar contratações de profissionais e formar banco de cadastro de reserva de docentes e não docentes, nos cargos de professor-tutor, professor-formador, mediador, intérprete de libras e para compor equipes multidisciplinares. Os editais contemplaram os 22 municípios do Acre e somam 92 profissionais classificados, sendo 50 já contratados.

“Em 2023, o número de profissionais contratados é um avanço significativo para o Ieptec, no que se refere à contribuição para inserção de mão-de-obra qualificada no mercado de trabalho e na valorização da educação profissional e tecnológica do Acre”, ressaltou a presidente da comissão permanente do processo seletivo, Socorro Bessa.

Certificações

Foram realizadas diversas cerimônias de certificação e diplomação em cursos do Ieptec no decorrer de 2023, abrangendo todos os centros da rede. Foto: Secom

Em 2023, o governo do Estado, por meio do Ieptec, entregou 285 certificados em cursos técnicos e de qualificação profissional realizados na modalidade EaD, e 1.357 certificados e diplomas em cursos presenciais, totalizando 1.642 documentos de conclusão de curso entregues.

Certificação de 121 formandos em diversos cursos ministrados pelo Cept Campos Pereira. Foto: Ascom Ieptec

“Esse é o papel do Ieptec, oferecer oportunidades para aqueles que querem se capacitar e ter mais chances no mercado de trabalho ou que desejam empreender. Dessa forma, o instituto contribui para o crescimento econômico do Acre”, comemorou Alírio Wanderley.

Certificação realizada em março com reeducandos do sistema prisional, no curso de marcenaria, uma parceria entre Ieptec e Iapen. Foto: José Caminha/Secom

O importante momento de entrega do certificado ou diploma comprova a finalização de um ciclo e aumenta as possibilidades profissionais. “Tenho certeza que os cursos vão ajudar na minha vida profissional. Agradeço por essa oportunidade maravilhosa”, disse Bruno Silva, que concluiu quatro cursos de uma vez pelo IFTP, e recebeu os certificados de salgadeiro, confeiteiro, recepcionista em eventos e auxiliar de cozinha.

Formatura realizada em julho com os concludentes do IFTP. Foto: Ascom Ieptec

Em julho, uma grande solenidade de formatura aconteceu em Cruzeiro do Sul, com alunos do Ceflora. Foram certificados 180 concludentes de nove cursos do IFTP, oriundos de escolas militares.

Formaram-se alunos nas áreas de informática, ambiental, operador de supermercado e caixa, contabilidade, farmácia, hospedagem e ortopédica. Foto: Ascom Ieptec

Além das formaturas que coroaram o encerramento de cursos ofertados aos estudantes do IFTP, o Ieptec também entregou certificados em formações abertas à comunidade, nas áreas de gastronomia, hotelaria, ambiental, serviços, arte e cultura.

Certificação de 35 produtores e trabalhadores rurais de Capixaba e região no curso de aplicação de vacinas contra brucelose bovina. Uma ação conjunta, Ieptec e Idaf. Foto: cedida

Parcerias, projetos e programas

2023 está sendo o ano de continuidade e fechamento de parcerias, bem como de desenvolvimento e execução de muitos programas e projetos. Ao todo, nove projetos foram idealizados, planejados ou executados pelo instituto nesse período.

Na área da segurança pública, entre os projetos que estão em andamento, está o de qualificação para jovens cumpridores de medidas socioeducativas, uma parceria entre Ieptec, Instituto Socioeducativo do Acre (ISE) e MPAC. Ao todo, 280 jovens que cumprem medidas socioeducativas nos municípios de Rio Branco, Brasileia, Feijó, Cruzeiro do Sul e Sena Madureira estão sendo capacitados. Só em 2023, 50 concluíram os cursos de barbeiro e costureira.

Com a supervisão do professor do Cept Campos Pereira, os jovens internos do ISE colocam em prática o conhecimento adquirido no curso de barbeiro. Foto: cedida

Dando continuidade ao fomento à ressocialização, em março, Ieptec e Iapen assinaram termo de cooperação e lançaram o programa Novo Olhar, com o objetivo de oferecer 30 cursos de qualificação profissional para atender 1.900 pessoas privadas de liberdade.

Um dos projetos que se encontra em andamento é o que oferece o curso de descaracterização e customização de peças de vestuário, aprendidas pela Receita Federal do Acre. A parceria entre Ieptec, Semulher, TJAC, Iapen e MPAC está possibilitando a capacitação de 80 mulheres privadas de liberdade, sendo que dez reeducandas já concluíram o curso.

Reeducandas durante aula prática do curso de descaracterização e customização, executado na ala feminina do Complexo Penitenciário de Rio Branco. Foto: Cedida.

“Além de repassar o conhecimento para as reeducandas, com esse curso de descaracterização e customização de roupas, o governo disponibilizou, por meio do Ieptec, dez máquinas de corte e costura e os insumos para a realização das aulas práticas”, explicou Alírio Wanderley.

Quanto à qualificação de profissionais da segurança pública do Estado, Ieptec e PMAC assinam termo de cooperação para cessão do estúdio de gravação do instituto para a produção de videoaulas direcionadas aos membros da corporação. O Ieptec produz todo material audiovisual necessário e disponibiliza espaço na plataforma EaD para veiculação das videoaulas.

Representantes do Ieptec e PMAC após a assinatura do termo. Foto: Ascom Ieptec

O Ieptec também apoia a Semulher, oferecendo serviços nas áreas de beleza, estética e saúde, nas ações itinerantes que a secretaria realiza com o projeto Ônibus Lilás. Outra parceria firmada em 2023 foi com o Tribunal de Justiça do Acre (TJAC). O Ieptec cedeu espaço no Cept Gastronomia, para que sejam realizadas as atividades do projeto Casa de Justiça e Cidadania, com diversos serviços jurídicos gratuitos ofertados no local.

Representantes das instituições envolvidas em frente ao espaço cedido pelo Ieptec, para a instalação da Casa de Justiça e Cidadania. Foto: Ascom Ieptec

E o governo do Acre também tem prestigiado a qualificação profissional nos setores gastronômico e de turismo, inclusive beneficiando acreanos que moram em locais longínquos ou de difícil acesso.

Moradores de comunidades rurais de diferentes localidades do estado foram capacitados em oficina executada pelo Ieptec. Foto: Ascom Ieptec

A Oficina de Gastronomia Regional de Baixo Carbono foi realizada por meio da Secretaria de Estado de Turismo e Empreendedorismo (Sete) e financiada pelo Programa REM-KfW. O Ieptec disponibilizou toda a estrutura física da escola para a realização das aulas ministradas por quatro chefs de cozinha do Cept.

Os alunos em visita de reconhecimento às instalações da escola de gastronomia. Foto: Ascom Ieptec

Participaram da oficina trabalhadores das comunidades Serra do Divisor, Trilha Chico Mendes, Rio Croa, Seringal Cachoeira, Reserva Extrativista Cazumbá Iracema e empreendedores de base comunitária da Feira de Economia Solidária de Rio Branco. “Com um curso como esse, a gente vai levar mais conhecimento pra nossa comunidade e para os nossos turistas. Valeu a pena ter vindo de tão longe”, ressaltou Damiana Silva, da comunidade Rio do Croa.

O Secretário de Estado de Governo (Segov), Alysson Bestene, representou o governador Gladson Cameli na cerimônia de entrega dos 47 certificados aos formandos da oficina. Foto: Ascom Ieptec

O Ieptec também firmou parceria com a Secretaria de Administração do Acre (Sead). Para 2024, as pastas vão promover a qualificação profissional de cerca de 300 servidores públicos, por meio dos cursos nas áreas de arquivo, logística, informática, recursos humanos e patrimônio.

O termo de cooperação foi assinado durante a Expoacre 2023, pelos titulares das pastas, Alírio Wanderley e Paulo Roberto Correia. Foto: cedida

O setor de Bioeconomia recebeu uma atenção especial em 2023 e tem prospecção de crescimento na oferta de cursos para 2024. O Ieptec foi uma das 25 instituições brasileiras a ter profissionais inscritos no Curso de Multiplicadores em Bioeconomia na Educação Profissional e Tecnológica (EPT) na Amazônia.

Equipe do MEC esteve em Rio Branco ministrando oficina para os profissionais da EPT da SEE, Ieptec, Ifac e Senai, envolvidos no Projeto Bioeconomia para a Amazônia Legal. Foto: Ascom Ieptec

A formação é uma iniciativa do projeto Profissionais do Futuro, Competências para a Economia Verde, sendo uma cooperação técnica entre MEC e a empresa alemã GIZ, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

A previsão é de que, ao fim da primeira oferta do projeto no Acre, os cursos em bioeconomia oferecidos pelo Ieptec alcancem um total de 167 pessoas, sendo que 45 alunos da rede já estão participando de cursos nas áreas de fruticultura e desenvolvimento socioambiental.

Outro programa do governo federal a que o Ieptec aderiu em 2023 foi o de capacitação de profissionais da EPT, no âmbito do Sistema Nacional de Reconhecimento e Certificação de Saberes e Competências Profissionais (Re-Saber).

O Re-Saber faz parte de uma política pública em educação voltada para o trabalhador que está no mercado de trabalho, com experiência e vivência, mas não possui a certificação que legitima esse saber.

O curso, fomentado pelo MEC, em parceria com o Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), capacitou 500 servidores da EPT de todo país. Foto: cedida

Por meio do programa do governo federal Emprega Mais, Qualifica Mais, o Ieptec ofertou, em 2023, 90 vagas em cursos de qualificação profissional nas áreas de pedreiro em alvenaria, eletricista e instalador predial, certificando 75 profissionais.

Um dos projetos do Ieptec idealizado em 2023 e que será executado em 2024 é o Ser Mulher. O programa tem por objetivo não apenas qualificar, para o mercado de trabalho, mulheres que vivem em situação de vulnerabilidade social, mas também fornecer a ferramenta de trabalho ao fim do curso. A previsão é de que 400 mulheres sejam beneficiadas na primeira oferta do projeto Ser Mulher no Acre.

Após visita da comitiva do Ieptec aos parlamentares acreanos em Brasília, o senador Alan Rick destinou R$ 1 milhão em emenda para ser aplicado no Projeto Ser Mulher. Foto: cedida

O ano tem sido marcado pela implementação de novas estratégias de ensino nos cursos da rede Ieptec. Por meio do Departamento de EaD, o instituto lançou, em dezembro, o Projeto Integrador (PI). O evento, realizado no Memorial dos Autonomistas, uniu equipes de profissionais do Ieptec e alunos do Curso Técnico em Administração do Cept Campos Pereira, turma-piloto a aderir à iniciativa inovadora.

O objetivo do projeto é promover e desenvolver a iniciação científica, fomentando a interdisciplinaridade e facilitando a integração dos conhecimentos adquiridos. Foto: Ascom Ieptec

“O lançamento do Projeto Integrador simboliza um marco no processo de ensino-aprendizagem dos nossos alunos, e chegou para contribuir ainda mais com o preparo do profissional para o mercado de trabalho”, ressaltou a coordenadora do departamento de EaD, Ana Cláudia Passos.

A relevância do projeto é tanta que resultou na produção da 1ª edição da revista eletrônica do Ieptec, lançada no evento, junto com uma coletânea. Foto: Ascom Ieptec

Entre os projetos criados em 2023, o Mulheres Mil merece destaque. Desenvolvido pelo Ieptec em parceria com a Semulher, o projeto, que tem o intuito de contribuir para o alcance da autonomia econômica de uma parcela do público feminino do estado, conquistou a 7ª colocação entre 34 instituições brasileiras inscritas para adesão à linha de fomento do bolsa-formação do programa no MEC.

Antes de ser dado início ao programa, a equipe do Ieptec responsável por coordenar as ações do Mulheres Mil no Acre, participou de capacitações do governo federal, em Brasília. Foto: cedida

No Mulheres Mil, a proposta desenvolvida pelo Ieptec alcançou uma expressiva pontuação que levou à conquista de centenas de vagas, em vários cursos, que vão beneficiar mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica e risco social, vítimas de violência física, psicológica, sexual, patrimonial e moral, e moradoras de locais com infraestrutura deficitária.

Equipes do Ieptec e da Semulher estão realizando as matrículas para preenchimento das primeiras 295 vagas disponibilizadas. Foto: Ascom Ieptec

Na primeira etapa serão ministrados oito cursos com mulheres dos municípios de Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Tarauacá e Plácido de Castro. Dia 8 de janeiro de 2024 é a data prevista para o início das aulas, com as primeiras turmas do Mulheres Mil. A estimativa é que todas as capacitações sejam concluídas até setembro de 2024, e que, até o encerramento das atividades, sejam ministrados 14 cursos e atendidas 792 mulheres.

Eventos

O ano de 2023 também está sendo de muitas participações do Ieptec em eventos, e um dos mais expressivos se deu em junho. Realizado pelo governo do Estado, o jantar beneficente para lideranças do segmento evangélico foi preparado pela equipe e estudantes do Cept Gastronomia, e contou com as presenças do governador Gladson Cameli e da vice-governadora, Mailza Assis. Foram servidas 600 pessoas.

Foi uma excelente oportunidade de aprendizado prático para os estudantes dos cursos técnicos em gastronomia, confeitaria e panificação. Foto: Ascom Ieptec

As equipes do Ieptec também se empenharam bastante para apresentar, na Expoacre 2023, o que há de melhor nos trabalhos desenvolvidos na rede.

O estande do Ieptec foi cuidadosamente projetado pela equipe de planejamento e engenharia e rendeu muitos elogios dos visitantes. Foto: Ascom Ieptec

A exposição agropecuária foi uma excelente oportunidade para as equipes e estudantes dos centros do Ieptec mostrarem as ações desenvolvidas nas unidades. Manoel Lima foi aluno do curso de marceneiro pelo Cept Roberval Cardoso e expôs algumas de suas peças no espaço do Ieptec. Reeducando do sistema prisional, falou da importância de sua formação em marcenaria, realizada pelo Ieptec em parceria com o Iapen. “Para mim, foi uma oportunidade única porque eu sabia montar móveis, mas não sabia fazer o que sei hoje, e agora tenho o diploma e uma profissão”, relatou.

Manoel Lima apresentou peças de madeira que produziu a partir do curso ofertado pelo governo do Estado. Foto: Ascom Ieptec

O Ieptec também marcou presença na Expojuruá, com o estande da unidade de Cruzeiro do Sul, Ceflora. Várias atividades acadêmicas foram apresentadas por alunos dos cursos de fotografia, desenho da construção civil, farmácia e administração.

Os alunos do Curso Técnico em Farmácia manipularam, em laboratório, um dermocosmético de uso corporal e um medicamento de uso capilar, distribuindo amostras aos visitantes. Foto: Ascom Ieptec

O Cept Usina de Arte realizou a Mostra de Arte Cores e Contrastes e apresentações de espetáculos. As atividades foram resultado do aprendizado dos alunos nos cursos ofertados na unidade. “Com 79 anos, resolvi enfrentar esse curso junto com esses jovens atores, e notei que me ajudou a desenvolver minhas atividades diárias”, disse Sônia Oliveira, concludente do curso de Iniciação Teatral.

Dona Sônia foi uma das atrizes na peça “Eles não usam black tie”, que marcou o encerramento do curso. Foto: Hannah Lídia

Mais um momento importante para o Ieptec em 2023 foi a entrega realizada pelo governo do Estado, por meio da SEE, de 94 condicionadores de ar para suprir as necessidades emergenciais do instituto.

O ato de entrega se deu em outubro, na sede do Ieptec, em Rio Branco. Foto: Ascom Ieptec

A aquisição dos aparelhos foi oriunda de emenda parlamentar do senador Alan Rick. “Somente para o Ieptec, o parlamentar já destinou um montante de quase 5 milhões de reais, e não é qualquer senador ou deputado que destina isso para uma única secretaria. O Ieptec só tem a agradecer ao senador”, salientou o presidente da autarquia, Alírio Wanderley.

“O Ieptec faz parte da nossa trajetória política”, relembrou Alan Rick. O secretário de educação, Aberson Carvalho, acrescentou: “o Ieptec é um filho da educação, e a gente sabe da importância do instituto porque a formação começa por aqui”. Foto: Ascom Ieptec

No fim de novembro, foi assinado um termo de cooperação técnica entre Ieptec e Sesacre, para a implantação da Escola Pública de Saúde do Acre. O projeto do governo do Estado já existia, mas estava inoperante, e agora será reativado. Para tanto, o Ieptec vai ceder um bloco das instalações da Escola Técnica em Saúde Maria Moreira, na capital, para capacitar profissionais da saúde do Estado.

A Escola Maria Moreira é referência pela qualidade no ensino e por sua excelente estrutura física e aparelhamento pedagógico. Foto: Ascom Ieptec

“É um sonho da gestão reativar a Escola Pública de Saúde. O Ieptec vai entrar com a experiência em gestão da educação, e nós, da Sesacre, com a expertise na área da saúde. Teremos um espaço bom, e aparato, tanto de ensino quanto de pesquisa, em um só lugar”, ressaltou a secretária adjunta da Sesacre, Ana Cristina Moraes.

O ano está se encerrando e as ações do Ieptec não param. No início de dezembro, foi realizada a 1ª Oficina Natalina de Panetone, na Escola de Gastronomia, com a participação de 16 moradoras do bairro Cidade do Povo.

Na capacitação, as alunas aprenderam receitas de panetone tradicional e salgado, chocotone, além de cupcakes e biscoitos, tudo com tema natalino. Foto: Ascom Ieptec

A oficina ofertada pelo governo do Estado foi um sucesso. “Esse é um sonho que está sendo realizado na minha vida, porque, como eu moro aqui na Cidade do Povo, sempre passava aqui em frente da escola e dizia ‘um dia eu vou fazer um curso aqui’, e esse dia chegou. Estou muito alegre e realizada”, comemorou a aluna Antônia Helena da Silva.

Pioneira no estado, a oficina possibilitou às moradoras da comunidade uma capacitação que pode gerar renda, especialmente durante o período natalino. Foto: Ascom Ieptec

“O Ieptec vai abrir mais capacitações como essa em 2024 aqui na escola, e com vagas não só para a população da Cidade do Povo, mas para toda Rio Branco”, garantiu Alírio.

Apoio do Ieptec durante as enchentes

Equipes de voluntários do Ieptec se revezaram no apoio às famílias afetadas pelas fortes chuvas que castigaram a capital no início do ano. As famílias foram acolhidas pelo governo do Estado na Escola Humberto Soares e ficaram sob responsabilidade do instituto, que deu total suporte aos abrigados, em parceria com instituições governamentais e não governamentais.

A vice-governadora Mailza Assis visitou o abrigo coordenado pelas equipes do Ieptec. Foto: Neto Lucena/Secom

Agendas importantes

Em maio, com vários projetos em mãos, a diretoria do Ieptec foi ao encontro de parlamentares acreanos, em Brasília (DF). A busca por recursos para viabilização dos projetos já rendeu excelentes frutos. O instituto garantiu a aplicação futura de algumas emendas que serão destinadas ao fomento da educação profissionalizante do Acre.

A deputada federal Meire Serafim destinou duas emendas para o Ieptec no valor total de R$ 3,9 milhões. Foto: Wesley Moraes/Secom

A convite da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do MEC, o Ieptec participou da 3ª Edição da Semana Nacional da Educação Profissional e Tecnológica, em outubro, na capital federal.

A comitiva do Ieptec visitou estandes e laboratórios itinerantes, e participou de oficinas, workshops, apresentações culturais e debates. Foto: Wesley Moraes/Secom

Em São Paulo (SP), no mês de junho, a equipe diretora do Ieptec conheceu o Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza (CPS). E ainda na capital paulista, a equipe do Ieptec participou do 18º Seminário Nacional ABED de Educação a Distância (Senaead). O evento reuniu profissionais que atuam com EaD no Brasil, com o objetivo de estimular a prática e o desenvolvimento de projetos que envolvem a modalidade de ensino e o uso da inteligência artificial.

Participaram do Senaead o presidente do Ieptec, Alírio Wanderley, a diretora de Ensino, Mara Lima, e a chefe do Departamento de EaD, Ana Cláudia Passos. Foto: cedida

O ano tem sido de investimentos na capacitação dos servidores do Ieptec. Em novembro, o instituto enviou duas servidoras a Manaus (AM), para participar de curso sobre bioeconomia e tecnologias digitais. A capacitação oferecida pelo governo federal explorou diversas aplicações das tecnologias digitais, possibilitando que os profissionais da EPT utilizem nas instituições em que atuam.

A capacitação foi ministrada durante a ExpoAmazônia Foto: Cedida.

Reformas, ampliações e construções

Em abril, o governo do Estado, por meio do Ieptec, entregou as novas instalações do Cept Campos Pereira, em Rio Branco. Com o novo centro, que atualmente funciona no prédio do antigo Colégio Vitória, no bairro Bosque, o Ieptec ampliou os atendimentos e cerca de 500 alunos estudam no local.

O evento de inauguração contou com a presença da vice-governadora Mailza Assis, representando o governador Gladson Cameli, e do senador Alan Rick. Foto: Ascom Ieptec

“O Ieptec é uma ferramenta fundamental para dar à população a oportunidade de se capacitar para o mercado do trabalho. Nosso trabalho como Estado é oferecer a estrutura necessária para que possamos ter mão de obra qualificada de quem passa por essa capacitação profissional”, frisou a vice-governadora Mailza Assis.

Ações para 2024

O Ieptec vai iniciar 2024 com a oferta de muitas vagas em cursos livres para a população, e também vai iniciar algumas turmas que estão inseridas nos novos projetos desenvolvidos com parceiros.

Será um ano de muitas novidades. Em fevereiro, por meio do Departamento de EaD, o instituto vai lançar cinco cursos livres conhecidos como Cursos Mooc. Na primeira etapa serão abertas inscrições para os cursos de automaquiagem, iniciação ao Canva, curso básico de tecnologias para performance profissional, fotografia e redes sociais (Instagram). “Os cursos Mooc são cursos 100% online e gratuitos, sendo considerada uma grande forma de inclusão social, porque podem ser cursados por qualquer pessoa, de qualquer lugar e no seu tempo”, disse a coordenadora pedagógica dos cursos Mooc, Girlane Avilar.

Entre as propostas e demandas a serem colocadas em ação em 2024, estão a retomada de algumas obras de reforma e ampliação de alguns centros da rede Ieptec: Cept João de Deus, Ceflora, Roberval Cardoso e Nept Tarauacá.

Aguardando a captação de recursos, a reforma geral no prédio do Cept Campos Pereira, na Cidade do Povo, além da construção de duas unidades do Ieptec, uma em Brasileia e outra em Sena Madureira. “Ainda na fase de reestruturação da rede Ieptec, a construção dessas unidades vai oferecer um aporte estrutural, físico e de pessoal para atender os moradores da região”, explicou a chefe do Departamento de Planejamento e Orçamento do Ieptec, Aldenice Ferreira.

Mas não apenas as unidades descentralizadas do Ieptec deverão passar por modificações em suas estruturas físicas, em 2024. Para melhor atender os servidores e público que buscam os serviços do instituto na capital, o projeto de construção de uma nova unidade central está em fase de desenvolvimento.

Nept Tarauacá deve passar por ampliação em 2024. Foto: Ascom Ieptec

“Está em nosso cronograma retomar todas as obras que estão paralisadas e, para isso, fizemos uma nova solicitação de repactuação. Também queremos dar segmento às reformas em nossas unidades e construir uma nova sede para o instituto”, frisou Aldenice.

Quanto à reforma do prédio do Campos Pereira, Aldenice explica: “Está prevista a realização de uma reforma total na escola e, para isso, estamos pleiteando recursos. A Seop está elaborando um projeto”. A chefe do departamento de Projetos da Secretaria de Estado de Obras Públicas (Seop), Soraya Andrade complementa:  “A demanda do prédio do Campos Pereira se encontra em fase de levantamento para que possa ser fechado o orçamento”.

Cept Campos Pereira funciona temporariamente no prédio do antigo Colégio Vitória, em Rio Branco. Foto: Ascom Ieptec

“Para 2024, o Ieptec tem muitas propostas de renovação e financiamentos e a gente espera que possa concluir todas no ano que vai se iniciar, visando oferecer melhor atenção aos nossos estudantes e servidores”, explicou Aldenice.

Compartilhe:

spot_img

Notícias relacionadas :

spot_img
spot_img

NÃO DEIXE DE LER

VEJA O QUE ACONTECE NO BRASIL E NO MUNDO