domingo, 14 abril 2024 - 6:56
spot_img

Governo encerra missão de vistoria e sensibilização ambiental no Complexo de Florestas Estaduais do Rio Gregório

O governo do Acre, por meio da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e do Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac), encerrou nesta segunda-feira, 11, a missão de vistorias aliadas à sensibilização ambiental de moradores do Complexo de Florestas Estaduais do Rio Gregório (Cferg).

A ação, que se iniciou no dia 5 de dezembro, teve como objetivo conscientizar as comunidades locais sobre a importância da preservação das florestas e da prevenção do desmatamento e queimadas, promover a participação ativa dos moradores na proteção do meio ambiente e fomentar a colaboração entre as diferentes partes interessadas, incluindo as comunidades locais.

Ao todo, 80 pessoas participaram de atividades educativas, diálogos construtivos e demonstrações práticas. Foto: Assessoria Sema

“Ao destacar a importância das florestas, não apenas como habitat para a biodiversidade, mas também como reguladoras climáticos e fontes essenciais de recursos, os moradores são incentivados a adotar práticas mais responsáveis em relação ao uso da terra e dos recursos naturais”, afirmou a secretária do Meio Ambiente, Julie Messias.

Ao todo, 80 pessoas participaram de atividades educativas, diálogos construtivos e demonstrações práticas, que buscaram além de informar, inspirar mudanças de comportamento. Temas como período crítico de seca na Amazônia, as consequências da seca no Acre e a redução do desmatamento foram abordados durante os encontros.

O presidente da Associação São Francisco de Assis, Cleomilton de Oliveira, agradeceu a equipe do Estado por levar ensinamentos para os produtores. “Isso é muito bom para o trabalhador rural e nós precisamos de mais oficinas como essa no Complexo de Florestas Públicas do Estado”.

Durante a ação, um momento foi dedicado ao esclarecimento sobre a emissão da Declaração de Aproveitamento de Madeira na propriedade, assim como uma explicação detalhada sobre o fluxo para o licenciamento de serraria portátil e o processo de inscrição do Cadastro Ambiental Rural (CAR).

A missão fechou o ciclo 2023 de atividades realizadas pela pasta do Meio Ambiente. O encerramento contou com uma reunião de planejamento com os representantes das associações do Cferg sobre as ações que serão executados em 2024 pela Sema.

A chefe do Centro Integrado de Meio Ambiente de Cruzeiro do Sul (Cima) e gestora do Cferg, Claudia Lima, ressaltou a importância de reconhecer que a sensibilização ambiental é um processo contínuo e que a manutenção do engajamento com a comunidade é crucial.

“Monitorar o progresso, adaptar as estratégias conforme necessário e envolver ativamente os moradores na tomada de decisões relacionadas ao meio ambiente são passos fundamentais para assegurar o sucesso a longo prazo dessa iniciativa”, declarou.

Reunião de alinhamento e planejamento com os representantes das associações do Complexo de Florestas Estaduais do Rio Gregório sobre as ações que serão executadas em 2024 pela Sema. Foto: Divulgação Sema

Complexo de Florestas Estaduais do Rio Gregório

O Cferg foi criado em 2008 pelo decreto estadual nº 3.433/08, abrangendo três unidades de conservação de uso sustentável: Floresta Estadual do Rio Gregório, Floresta Estadual do Mogno e Floresta Estadual do Rio Liberdade, situadas entre os municípios de Cruzeiro do Sul e Tarauacá.

Compartilhe:

spot_img

Notícias relacionadas :

spot_img
spot_img

NÃO DEIXE DE LER

spot_img

VEJA O QUE ACONTECE NO BRASIL E NO MUNDO