domingo, 19 maio 2024 - 11:53
spot_img

Prefeitura lança campanha de arrecadação de donativos para às famílias vítimas da cheia

Rio Branco vive uma das maiores enchentes dos últimos anos. O nível do rio já chegou a 17 metros e 78 centímetros, o que segundo a defesa civil municipal, já é a segunda maior enchente na capital. Milhares de famílias tiveram que deixar suas casas e muitas estão abrigadas em escolas e no Parque de Exposições. As pessoas estão assistidas com abrigo, café da manhã, almoço e jantar. Toda a força da gestão municipal está concentrada ao socorro às vítimas.

“Teremos mais de 20 pontos com essa parceria” (Foto: Evandro Derze/Assecom)

Nesta segunda-feira (04) a prefeitura anunciou uma parceria com a Associação Comercial, Industrial, de Serviço e Agrícola do Acre (Acisa) e a Associação Acreana de Supermercados (Asas) no recebimento de alimentos não perecíveis e outros donativos para às famílias atingidas.

“Cada momento que passa está ficando mais grave, pois o rio continua subindo, mais famílias desalojadas, os custos aumentam. A prefeitura está pronta para bancar esses custos, mas o mais importante é que a gente tenha ajudas como da Acisa e da Associação de Supermercados, na coleta, porque o povo, acreano, como eu disse agora, é um povo muito solidário, e a gente vê muita gente querendo saber onde é que vai fazer a doação. Então vamos ter mais de 20 pontos agora com essa parceria”, destacou o prefeito.

Adem: “O momento é de unir forças” (Foto: Evandro Derze/Assecom)

Os pontos de entrega das doações serão na rede de supermercados Arasuper e na sede da Prefeitura de Rio Branco. O presidente da rede Arasuper e da Associação Acreana de Supermercados, Adem Araújo, disse que o momento agora é de unir forças.

“A gente percebe que a prefeitura tem feito um grande esforço para minimizar o impacto dessa enchente na vida das pessoas e, com isso, a gente tenta contribuir também de forma direta e indiretamente, principalmente na arrecadação agora de servirmos como ponto de arrecadação de alimentos e outros produtos. Aquilo que as pessoas quiserem doar: calçados, roupas, produtos de limpeza. Nós vamos destinar isso para a prefeitura para poder utilizar da melhor forma possível com essas pessoas que estão precisando nesse momento”.

O prefeito informou ainda que outra necessidade das equipes, neste momento, de apoio às vítimas, são barcos.

“Não estamos tendo barcos necessários para retirar as famílias. Já compramos sacolões, água e a partir de amanhã começaremos a distribuir. Agora faltam barcos, quem tiver, por favor, nos ajude. Ofereça, leve até o corpo de bombeiros, que é lá que está sediando tudo”.

Compartilhe:

spot_img

Notícias relacionadas :

spot_img
spot_img

NÃO DEIXE DE LER

VEJA O QUE ACONTECE NO BRASIL E NO MUNDO