domingo, 14 julho 2024

CPU de computador levava 3,5 kg de cocaína do Acre para o Espírito Santo

Na última terça-feira, 30, agentes da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (DENARC), com o apoio do Núcleo de Operações com Cães da Polícia Civil do Acre (NOC), apreenderam 3,6 quilos de cocaína, que estavam escondidos dentro de uma CPU de  computador, em uma transportadora de Rio Branco.

O trabalho de rotina que ocorre semanalmente em várias transportadoras da cidade logrou êxito nesta ação, pois em meio de várias encomendas, o cão Narco, farejou o entorpecente que estava no invólucro dentro de um gabinete de CPU (Computador), pois todos os componentes foram retirados da máquina para comportar a cocaína.

Apesar de aparentemente a documentação do produto está correta, os traficantes utilizam de diversos meios para o transporte de drogas pelo país, um deles é o de transportadoras que têm um grande volume de encomendas e são distribuídos para todo o Brasil.

As investigações apontam que a cocaína sairia de Rio Branco, capital do Acre, com destino ao Espírito Santo, região sudeste do Brasil. A Polícia Civil mantém canal aberto para denúncias no qual o cidadão pode usar o aplicativo WhatsApp para envio de denúncia ou ligação para o número (68) 99922-1111.

spot_img

Notícias relacionadas :

NÃO DEIXE DE LER

VEJA O QUE ACONTECE NO BRASIL E NO MUNDO