sábado, 22 junho 2024
spot_img

Policiais ficaram a três metros de prender acreanos que fugiram do presídio de Mossoró

Sem qualquer pista sobre a localização dos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró, policiais que atuam na força-tarefa já ficaram a menos de três metros dos criminosos Deibson Nascimento e Rogério Mendonça. O episódio foi relatado por um casal rendido pela dupla em 16 de março, quando as buscas chegavam ao 10º dia.

Segundo o depoimento, os criminosos invadiram a casa armados com pedaços de madeira. Exigiram que as vítimas fizessem jantar, pediram celulares, efetuaram ligações e viram TV. Os fugitivos permaneceram no local por aproximadamente quatro horas.

Eles relataram que quase haviam sido pegos na noite anterior, quando estavam escondidos em uma região de mata fechada e o helicóptero passou voando baixo. Contaram que precisaram fugir deixando uma camiseta e um lençol para trás. Os itens chegaram a ser apreendidos pelos investigadores.

Ainda de acordo com a testemunha, no momento em que os fugitivos assistiam à televisão deitados na varanda, por volta de 0h, um carro da polícia penal passou na rua e abordou um grupo de moradores.

Assustados, Deibson Nascimento e Rogério Mendonça mandaram o casal se trancar na casa e escaparam em direção à mata. A força-tarefa já está há 41 dias procurando a dupla.

Metrópoles

Compartilhe:

spot_img

Notícias relacionadas :

spot_img

NÃO DEIXE DE LER

VEJA O QUE ACONTECE NO BRASIL E NO MUNDO